(Português do Brasil) Cruz Vermelha Brasileira auxilia autoridades no desabamento de prédio em Fortaleza

17/10/2019 Por: Rayanne Mello Fotos: Divulgação

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

ceara

A Cruz Vermelha Brasileira, através da sua filial no estado do Ceará, está auxiliando os poderes públicos desde terça-feira (15), na busca pelas vítimas do desabamento do prédio no bairro Dionísio Torres em Fortaleza – CE, além de coordenar o recolhimento de mantimentos para as vítimas.

O presidente nacional da Cruz Vermelha Brasileira, Julio Cals, e o presidente da filial CE, Allan Damasceno, também compõem a equipe que está no local do acidente, que conta com um grupo efetivo de aproximadamente 150 voluntários, entre socorristas, apoio psicossocial, gestão de risco e desastre.

A Cruz Vermelha Brasileira no cumprimento de sua missão humanitária, foi uma das primeiras instituições a chegar no local para prestar atendimento aos familiares, à procura de vítimas, trabalhando em união com os bombeiros e autoridades locais, além de montar toda logística das duas bases de apoio, uma para distribuição de água e comida, outra responsável pelo recebimento de doações.

Além dos socorristas das Cruz Vermelha Brasileira que estão trabalhando junto ao corpo de bombeiro no resgate e primeiros socorros às vítimas, o departamento psicossocial da CVB também está atuando efetivamente com o objetivo de controlar os impactos críticos e prevenir os incidentes relacionados aos traumas causados pela tragédia, tanto para os voluntários que participam do socorro, quanto às vítimas. Além de cuidar dos bens e pertences achados nos escombros, já que fazem parte de uma construção de vida de cada pessoa que ali residia.

 A Cruz Vermelha Brasileira do Ceará está trabalhando com afinco, sem medir esforços, recrutando doação e voluntariado, para se fazer presente na ajuda aos bombeiros e todos envolvidos de uma forma ativa e que minimize o sofrimento humano.

Sign up for our newsletter

CURTA-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

The access_token provided is invalid.

close-link