Programa Juventude da Cruz Vermelha das Américas leva esperança de uma nova realidade para os jovens

16/08/2018 Por: Gabriela Uchôa Fotos: Divulgação

Atualmente a América Latina contém o maior número de jovens da história do continente.  A região conta com o “bônus demográfico”, onde a maioria da população está na idade de estudar, trabalhar e produzir.

São mais de 140 milhões de jovens e adolescentes na América Latina e no Caribe que vivem em uma situação paradoxal. Embora possam desfrutar de um enorme potencial para contribuir socialmente e criar um futuro sustentável, eles fazem parte de uma geração que sofre com a marginalidade, violência e pobreza, que afeta quase um terço da população jovem.

A maternidade na adolescência é outro problema que atinge essa parte da população. Moças de 15 a 19 anos fazem parte de uma grande porcentagem de jovens que enfrentam gravidezes indesejadas, e a maioria são mães solteiras e pobres. Esses dados são consequência da falta de acesso à educação de parte da população latina. Mulheres indígenas e jovens afrodescendentes das áreas rurais mostram assistência e conclusão de estudos inferior a qualquer outro grupo.

A América Latina é considerada a região mais violenta do mundo, as realidades que os jovens vivem são o reflexo desse contexto. Situações de violência urbana, violência de gênero, violência doméstica, automutilação e comportamentos suicidas podem ter como consequência processos de segregação e fragmentação social.

O Programa Juventude da Cruz Vermelha das Américas tem como objetivo treinar jovens com os valores e princípios da maior instituição humanitária do mundo para trabalhar nas áreas sociais de suas comunidades.  O projeto leva a promoção da saúde, proteção do meio ambiente, cultura de paz, liderança juvenil, prevenção de desastres, inclusão social, entre outros. Estas ações contribuem na luta para cobrir as necessidades e questões sociais presentes nos países latinos.

juventude

Leia mais sobre: , ,
Assine nossa newsletter

CURTA-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

  • PRESIDENTE NACIONAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA RECEBE HOMENAGEM DO EXRCITO
  • NOITE DE EMOO E HOMENAGENS MARCAM O ANIVERSRIO DE 110
  • NOTA DE ESCLARECIMENTO DA DIREO NACIONAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA
  • PRIMEIROS SOCORROS NAS ESCOLAS Escolas devem se adequar  lei
close-link