Cruz Vermelha Brasileira participa de Reuniões Estatuárias da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho em Genebra

20/12/2019 Internacionais Por: Rayanne Mello Fotos: Divulgação

genebra 1

Aconteceu em Genebra, na Suíça, as Reuniões Estatuárias da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, onde diversos países debateram as novas políticas, estratégias e diversos outros temas que visam em uma melhor atuação da Instituição no futuro. A delegação brasileira estava presente e foi comandada por Julio Cals, Presidente Nacional da Cruz Vermelha Brasileira; Silvio Guerra, Diretor Financeiro; Ricardo Braz, Secretário Geral; Edson Allemany, Chefe de Gabinete, Marcelle Motta, Coordenadora Nacional de Programas Humanitários e Thiago Quintaneiro, Coordenador Nacional de Voluntariado e da Juventude.  Parte da Delegação Brasileira foi à Genebra graças ao apoio da grande e parceira empresa SBP, puderam expor os trabalhos desenvolvidos pela Cruz Vermelha Brasileira na Vila Humanitária.

A conferência foi subdivida em quatro grandes eventos, foram eles: o Fórum da Juventude, que aconteceu nos dias 3 e 4 de dezembro; a Assembleia Geral da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho dos dias 4 a 7 de dezembro, o Conselho de Delegados no dia 8, além da 33ª Conferência Internacional nos dias 09, 10 11 e 12 de dezembro.

O Fórum da Juventude, evento que antecedeu as reuniões estatuárias, onde delegados de mais de 80 países compareceram, foram discutidos o futuro das redes regionais e sub-regionais – como exemplo da rede sul americana onde foi acordado a entrada de mais um membro representante de cada Sociedade Nacional – em adicional foi elencada ideias de como manter o voluntariado das américas, em especial os jovens, mais ativos e presentes em nossa instituição.  Outros temas apresentados no fórum foram: relatório de gestão da Comissão Internacional de Juventude, apresentação da estratégia 2030 e os desafios para a próxima década. Porém, de tudo discutido o foco central foi o processo de eleição da nova Comissão, que pela primeira vez na história foi por processo de eleição direta e realizada pelos próprios delegados jovens.

genebra
A partir do dia 04 de dezembro aconteceu a abertura oficial da Assembleia Geral da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, com entregas de premiações globais. Na pauta da Assembleia, o primeiro item aprovado foi a entrada de duas novas sociedades, Butão e Ilhas Marshall, chegando oficialmente em 192 Sociedades Nacionais. Dentre os principais temas trabalhados foram: Aprovação das contas e orçamento futuro da Federação Internacional; o valor da contribuição estatuária (BAREMO) para o biênio 20/21; a adoção da Política de Diversidade e Gênero, Política de Gestão de Risco e Desastres e da Estratégia 2030; e das eleições das Comissões de Finanças, Cumprimento e Mediação, Auditoria e Riscos e de Juventude.

O evento seguinte foi o Conselho de Delegados, ambiente único onde as três partes do Movimento Internacional: CICV, Federação e Sociedades Nacionais, discutem em pé de igualdade temas sensíveis a manutenção da credibilidade, autonomia, segurança e futuro da instituição. Os temas centrais da reunião foram: Declaração do Movimento Internacional sobre Integridade; Fortalecimento estatutário das Sociedades Nacionais; Comprometimento de engajamento comunitários; Prestação de Contas; Política Internacional sobre Saúde Mental e Apoio Psicossocial, Declaração sobre Migração e Refúgio.

Sob o tema “Agir hoje, mudar o amanhã” a 33ª Conferencia Internacional, ambiente onde os componentes do Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho podem advogar com governos nacionais assuntos de importância humanitárias, em um espaço protegido pelos nossos princípios fundamentais. Com a participação do CICV, Federação Internacional, 180 Sociedades Nacionais e mais de 170 países.

genebra 3

Entretanto, o principal momento da Conferência foi a eleição dos novos membros da Comissão Permanente, grupo formado pelo CICV, Federação e cinco membros das SN leitos em plenária. Esta comissão é responsável por manter a harmonia entre os entes do movimento, funcionando como um poder moderar se usa maior força de integridade e confiança, sendo responsável também pela organização da própria Conferência Internacional.

Além das agendas oficiais a Delegação da CVB também realizou uma série de reuniões bilaterais com diversas Sociedades Nacionais, a fim de fortalecer nossos programas, capacitação de pessoal e voluntários, captação de recursos e suporte internacional. A Empresa Delta Airlines, também parceira da Cruz Vermelha Brasileira, foi uma das apoiadoras da Delegação Brasileira em Genebra.

 

Assine nossa newsletter

CURTA-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

The access_token provided is invalid.

close-link