(Português do Brasil) Cruz Vermelha Brasileira abre inscrição para Seminário Nacional e Encontro Internacional de Psicologia

24/02/2017 Por: Jorge Velloso

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Cruz Vermelha Brasileira abre inscrição para Seminário Nacional e Encontro Internacional de Psicologia

Estão abertas as inscrições para II Seminário Nacional e I Encontro Internacional de Psicologia em Situação de Conflitos e Desastres da Cruz Vermelha Brasileira.  Organizado pela filial do Rio de Janeiro da centenária instituição de ajuda humanitária, o evento vai discutir, entre os dias 24 e 26 de agosto, a necessidade de se prever, planejar e reduzir os riscos de desastres, a fim de melhor proteger não só pessoas e países, mas também seus modos de vida, ecossistemas e patrimônio cultural. As inscrições podem ser feitas através do depósito bancário ou transferência com cópia encaminhada para o e-mail,  seminarioinscricoes@cruzvermelharj.org.br, a partir de 31 de março, de acordo com a tabela abaixo.

  • PROFISSIONAL:
Em dinheiro No cartão (na sede)
Até 31 de Março 110,00 130,00
Até 31 de Maio 130,00 150,00
Até 31 de julho 150,00 170,00

 

  • ESTUDANTE:
Em dinheiro No cartão (na sede)
Até 31 de Março 70,00 90,00
Até 31 de Maio 90,00 110,00
Até 31 de julho 110,00 130,00
  • BANCO SANTANDER
Agência 3201
Conta Corrente 13000461-7
CNPJ 08.560.973 / 0001 – 97

O evento pretende mostrar a atuação da Psicologia da Gestão dos Riscos e Desastres e de áreas correlatas no cenário dos desastres mundiais, junto a atuação das instituições de ajuda humanitária. Almeja também identificar a interação dos psicólogos com outros profissionais nos cenários de desastres; compartilhar conhecimento técnico e experiências, além de facilitar o diálogo daqueles que atuam com ajuda humanitária.

Os organizadores do evento lembram da importância dessa discussão e interação dos profissionais da área, no momento em que há um crescente número de casos de desastres em todo o mundo. Segundo relatório do Centro de Pesquisas sobre Epidemiologia de Desastres, em 2016 ocorreram 301 desastres naturais em 102 países, provocando 7.628 mortes, 411 milhões de pessoas afetadas e R$ 97 bilhões de danos econômicos. A China foi o país mais atingido.

Vale lembrar que bactérias, vírus e outros microrganismos também já causaram estragos tão grandes à humanidade quanto as mais terríveis guerras, terremotos e outros desastres naturais. Entre os exemplos estão:   cólera, tuberculose, varíola, ebola e Aids. O Encontro Internacional também vai abordar os desastres naturais relacionados com o desequilíbrio da biocenose, as diversas espécies que vivem em uma mesma região. Entre os exemplos da ruptura do equilíbrio biológico está a proliferação do mosquito da dengue, zika, chinkungunya e febre amarela.

Também estão entre os objetos de análise do seminário os desastres sociais relacionados com os conflitos, diversos tipos de violências, refugiados e o alto número de suicídios, além dos desastres tecnológicos. Segundo os organizadores, é necessário aprofundar os conhecimentos nas diversas áreas, para uma atuação mais qualificada nestes cenários.

No evento que vai anteceder o Dia do Psicólogo (27 de agosto) também será lançado o livro “Psicologia em Emergências e Desastres – da Teoria à Prática na Gestão Integral de Riscos”. Organizado por Olavo Sant’Anna Filho, aborda temas do Seminário e tem um capítulo destinado ao trabalho de campo da Psicologia na Cruz Vermelha. Entre os exemplos da atuação do Departamento está o atendimento às vítimas das enchentes na serra fluminense em 2011.

O envio de trabalhos deve ser feito até 20 de abril pelo e-mail seminariopsicologia@cruzvermelharj.org.br .

Os eixos temáticos são:

  1. INTERVENÇÕES PSICOLÓGICAS E APOIO PSICOSSOCIAL EM SITUAÇÕES DE CRISES E DESASTRES

Linhas de pesquisas: (perdas, morte e luto; comportamento suicida; pessoas com deficiências e doentes mentais)

  1. GESTÃO DE CRISE NOS DESASTRES

Linhas de pesquisas: (desastres que ameaçam o planeta; desequilíbrio da biocenose)

  1. GESTÃO DE CRISE NOS DESASTRES SOCIAIS E HUMANOS

Linhas de Pesquisas: (violências; comportamento compulsivo – dependências; conflitos armados; refugiados)

Suscribirse a nuestro boletín de noticias

CURTA-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

  • DIA INTERNACIONAL DA SNDROME DE DOWN A data tem o
  • DEFENSORIA PBLICA DE RONDNIA DOA ALIMENTOS PARA A CRUZ VERMELHA
  • BAIXE AGORA O APP DE PRIMEIROS SOCORROS Sim! Voc pode
  • CRUZ VERMELHA BRASILEIRA PRESTA CONTAS DE CAMPANHA DE ARRECADAO PARA
close-link