(Português do Brasil) Dicas para o verão: aproveite a estação mais quente do ano de forma saudável

24/01/2019 Por: Thiago Pessanha Fotos: Livre para uso comercial

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

No verão, ninguém quer ficar em casa. Nas cidades litorâneas, as praias ficam lotadas. Onde não tem mar, clubes, parques e praças são as atrações mais procuradas. Mas a diversão deve ser acompanhada de prevenção. O calor e o sol forte escondem perigos para pessoas de todas as idades. Veja as dicas da Cruz Vermelha Brasileira para aproveitar a estação mais quente do ano com tranquilidade.

female-headband-holiday-1154638

Cuidados com a pele: não se esqueça do filtro solar!

Em países de clima quente como o Brasil, o uso do filtro solar é obrigatório durante todo o ano, mas no verão os cuidados devem ser ainda maiores. As queimaduras de pele por exposição ao sol, além de aumentar o risco de câncer de pele, aceleram o envelhecimento – algo que ninguém quer.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda filtros solares com fator de proteção solar (FPS) de 30 ou mais, especialmente para longos períodos de exposição ao sol, como em piscinas e praias.

O filtro solar deve ser usado 30 minutos antes da exposição ao sol, com reaplicações a cada duas horas. É preciso ter atenção: o período deve ser reduzido caso a pessoa entre na água.

Além do filtro solar…

Para se proteger ainda mais dos raios solares, os dermatologistas recomendam o uso de roupas com fator de proteção UV. Em atividades ao ar livre, é importante também o uso de chapéus e óculos escuros. A exposição ao sol entre às 10h e às 16h (horário de verão) deve ser evitada.

children-friends-fun-106258

Falando em óculos…

A proteção dos olhos merece um capítulo à parte. Os óculos com fator de proteção UV são itens obrigatórios, inclusive para crianças, que tem os olhos ainda mais sensíveis. Mas, atenção: dermatologistas alertam que os óculos comprados em vendedores ambulantes podem ser mais prejudiciais do que não usá-los. O motivo é que esses produtos não apresentam fator de proteção UV, deixando os olhos ainda mais expostos.

É preciso ter cuidado, também, com a síndrome do olho vermelho. O contato com a água do mar ou da piscina, associado à exposição ao sol, pode causar coceira, lacrimejamento, sensação de corpo estranho, queimação, fotofobia (desconforto com a luminosidade) e visão borrada. A síndrome do olho vermelho pode ser um primeiro sinal da conjuntivite ou ceratite de exposição, inflamação causada por excesso de exposição ao sol.

Veja alguns cuidados básicos indicados pela Associação Brasileira de oftalmologia

  • Lave sempre as mãos
    • Use óculos escuros com fator de proteção UVA e UVB
    • Proteja-se do sol com chapéus e bonés
    • Evite exposição em horários de pico do sol
    • Não utilize colírio sem orientação médica
    • Aos usuários de lentes de contato, que devem ter atenção redobrada, atentem-se à assepsia das lentes de contato, utilizando sempre as soluções indicadas
    • Às mulheres uma recomendação importante: nunca compartilhar produtos de maquiagem

Alimentos saudáveis

Alimentação

Não podemos nos esquecer da alimentação nesse período. Além da recomendação de fazer refeições leves e comer muitas frutas (essenciais para uma boa hidratação), devemos ter um cuidado especial com a conservação dos alimentos.

A exposição ao sol leva à proliferação de bactérias nos alimentos, que podem estragar, ficando impróprios para o consumo. O consumo pode causar diarreia e desidratação. Evite produtos vendidos por ambulantes. Prefira lugares em que é possível visitar a cozinha, ou prepare os lanches em casa. Neste caso, acondicione em isopores ou bolsas térmicas, que vão proteger os alimentos da exposição ao sol.

Está na dúvida sobre o que comer? Visite o Guia Alimentar para População Brasileira, desenvolvido pelo Ministério da Saúde. Ele traz dicas valiosas para uma alimentação saudável para pessoas de todas as idades.

Inforgrafico(2)

 

 

 

Sign up for our newsletter

CURTA-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

  • ACESSE O APP DA FEDERAO INTERNACIONAL DA CRUZ VERMELHA Com
  • RED HOPE  O PROGRAMA DE BENEFCIOS DA CRUZ VERMELHA
  • CRUZ VERMELHA BRASILEIRA AUXILIA COM PRIMEIROS SOCORROS AS ESCOLAS DO
  • NOVIDADES NO APLICATIVO DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA J acessou o
close-link